Qual o melhor cartão de crédito?

Por:

Para

MercadoJá

Muita gente acaba usando o cartão de crédito que o gerente do banco oferece, mas nem sempre é o melhor cartão de crédito para seu perfil. Veja aqui algumas dicas do que observar e escolha melhor seu cartão de crédito para aproveitar o máximo deste meio de pagamento sem pesar no seu bolso.

Contar com poucas opções pode ser muito desagradável. Por outro lado, o excesso de ofertas também acaba deixando muita gente desnorteada. Como exemplo, se antigamente o número reduzido de cartões de crédito oferecidos fazia com que eles ficassem restritos a poucas pessoas, hoje em dia, a enxurrada de cartões com diferentes características e benefícios tornou essa forma de pagamento bem mais acessível. Mas como saber qual é o melhor cartão de crédito?

Para quem espera encontrar uma lista pronta com os melhores cartões de crédito, sentimos muito em desapontar. Isso porque, na verdade, não existe um cartão melhor que o outro. Existe sim o cartão mais adequado de acordo com perfil e necessidades, sendo que, para identificar o melhor cartão de crédito para você, vale analisar alguns fatores que listamos a seguir.

Preste atenção na bandeira na hora de escolher o melhor cartão de crédito

No Brasil, as principais opções de bandeira são Visa, Mastercard, Elo e Hipercard. Entre outras funções, a bandeira é responsável por determinar a rede de aceitação do cartão de crédito, isto é, em que estabelecimentos você poderá usá-los. 

Tanto aqui quanto no exterior, as três bandeiras têm aceitação bem parecida, sendo que, fora do Brasil, a Elo tem parceria com as bandeiras internacionais Diners Club e Discover. Portanto, na hora da escolha, a orientação é comparar outros aspectos, como os benefícios oferecidos por cada uma. Entre os benefícios geralmente oferecidos pelas bandeiras estão: seguro de viagem, seguros e proteções de compras, programa de recompensas próprio, etc. Lembrando que os benefícios variam também de acordo com a bandeira e a categoria do cartão de crédito. Leia nosso artigo sobre categorias de cartão de crédito para saber mais.

Emissor: aquele que processa suas transações e regula seu limite

Enquanto a bandeira determina a rede de aceitação, o emissor é responsável pelas transações financeiras feitas com o cartão. É ele, por exemplo, quem determina se o pedido de cartão será ou não aprovado e qual será o limite disponível para cada cliente. Além disso, o emissor também pode oferecer benefícios exclusivos, como descontos em parceiros (cinemas, aplicativos de transporte, etc.), acesso à pré-venda de ingressos e muito mais. 

Sobre a escolha do emissor, é interessante destacar que, na maior parte das vezes, não é necessário ser correntista de um banco para pedir um cartão de crédito emitido por ele. No entanto, ter um bom relacionamento com uma instituição financeira pode facilitar o acesso ao cartão de crédito em alguns casos. 

Tipo e categoria do cartão de crédito

Comparando cartões de crédito

Já sabe qual é a sua preferência de bandeira e emissor? É hora de pensar no tipo e na categoria do cartão de crédito. Quanto ao tipo, ele diz respeito aos locais de aceitação, podendo ser nacionais ou internacionais. Já a categoria tem a ver com a quantidade de benefícios oferecidos. Do mais simples ao mais exclusivo, o cartões podem ser: standard, gold, platinum ou premium

Como regra geral, os cartões standard são mais acessíveis. Com anuidades relativamente baixas, eles exigem renda mínima mensal mais baixa e trabalham com uma tarifa de anuidade menor ou gratuita. Por outro lado, têm menos benefícios e estão associados a limites de crédito menores.

Existem alguns cartões de crédito com anuidade gratuita que são emitidos na categoria Gold ou Platinum. Fique atento para ter mais benefícios sem pagar a mais por isso!

Anuidade: como decidir se o melhor cartão de crédito é o grátis

Anuidade grátis é sempre bom?

Ao contrário do que muitos pensam, a avaliação da anuidade na escolha de um cartão de crédito vai muito além do “quanto menor, melhor”. Na verdade, ela está diretamente ligada aos benefícios oferecidos e a quais benefícios você, de fato, usa (e quantas vezes por ano).

Para entender melhor, vamos imaginar que um cliente que está no processo de escolher um cartão de crédito está em dúvida entre um cartão sem anuidade e outro, da categoria platinum, com anuidade na faixa de R$ 300. Agora, vamos imaginar que esse cliente viaja ao menos uma vez por ano com a família para o exterior, dependendo da contratação de seguro viagem, que em muitos países é obrigatório.

Caso o cartão platinum ofereça o benefício do seguro, ele pode compensar a anuidade de R$ 300, uma vez que a contratação à parte desse serviço pode sair mais cara. Ou seja, nessa situação, optar pelo cartão com anuidade é financeiramente mais vantajoso.

Outros benefícios como seguro na hora de alugar um carro, garantia extendida na compra de produtos. Esses serviços são oferecidos por cartões de categoria superior. Um cliente que usa esses serviços com freqüência com certeza economizará ao pagar uma pequena anuidade em um cartão de categoria superior do que pagar por todos esses serviços individualmente. 

Isso vale para todos os benefícios oferecidos pelo cartão, como a troca de pontos por produtos e serviços. Aliás, ter uma noção de quanto você costuma gastar por mês também é relevante para avaliar a anuidade, já que, além de influenciar no aproveitamento dos programas de recompensa, em alguns casos, o valor gasto também pode dispensar o cliente da cobrança da tarifa.

Benefícios

Considerando que a rede de aceitação dos cartões é, atualmente, muito semelhante, a comparação dos benefícios, em conjunto com a anuidade, é uma das melhores maneiras de definir qual é o melhor cartão de crédito para você.

Como dito acima, o segredo para fazer uma boa escolha está em não escolher apenas o cartão com o maior número de vantagens, e sim em analisar e fazer os cálculos a partir dos benefícios que você realmente usa. Dessa forma, mesmo com o pagamento da anuidade, você garante uma economia a longo prazo. Isso inclui os programas de desconto, compras e demais promoções que as bandeiras e categorias oferecem.

Taxa de juros

Até aqui, incluímos na análise apenas os pontos positivos do cartão de crédito, pensando no seu uso de forma consciente. Mas o que acontece quando você atrasa o pagamento da fatura por algum motivo, ou precisa parcelar o pagamento?

A resposta é simples: são cobrados juros pelo atraso, e eles não são os mesmos para todas as instituições. Por isso, ao escolher um cartão de crédito, vale comparar também o valor das taxas caso algo não saia como o planejado. 

A melhor dica é sempre planejar-se para não gastar mais do que se ganha para não criar dívidas. Cartão de crédito não é um modelo de empréstimo, e se você estiver precisando de dinheiro, é melhor optar pelo emrpéstimo (crédito) pessoal.

Mais informações sobre os benefícios

Quer saber mais sobre bandeiras e benefícios? Leia nosso guia em https://mercadoja.com.br/blog/cartao-de-credito/categorias-de-cartao-de-credito/, e caso ainda tenha dúvidas, consulte os sites das bandeiras Visa, Mastercard, Elo e Hipercard.